#Post da Thay: Sobre acordar apaixonadinha




Sobre acordar apaixonadinha.

Um salve para Camões que definiu o amor, mas esqueceu-se da paixão
Sentimentozinho confuso e perverso que invade o coração
Combustível da juventude e antecedente do amor
Que nos faz sonhar acordados e ficar atônitos
Que transforma o bruto e insensível
 No lindo e romântico
Que lapida, que endoidece, que completa, que esnoba e que quer mais
Que invade, que arrasa, que faz perder os sentidos
Que deixa um sorriso no canto dos lábios e o pensamento longe
Que quer estar perto, carinho, apoio
Que faz fazer poemas sem sentidos e dizentes do que se passa no coração
Que entrega, que ciúma, que maltrata e que faz bem
Que aquece o coração e nos torna seu refém.

0 comentários